sexta-feira , 25 abril 2014
Capa » Ideias de Negócios » 50 ideias de negócios para abrir empresa com menos de mil reais – Parte 1 de 5
50 ideias de negócios para abrir empresa com menos de mil reais – Parte 1 de 5

50 ideias de negócios para abrir empresa com menos de mil reais – Parte 1 de 5

34 Flares Twitter 0 Facebook 17 Google+ 8 LinkedIn 9 34 Flares ×

Na edição de janeiro de 2011 da Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, saiu uma lista com 100 idéias para montar o seu negócio que deixou muito a desejar. Deixou a desejar porque os valores que atribuíram para montar cada negócio sugerido na revista eram assustadores. Uma empresa de cursos de costura custaria R$43mil, uma empresa de livros eletrônicos só sairia do papel com R$300mil no bolso e um e-commerce de luxo seria ainda mais caro, R$500mil. É claro que a revista incorporou custos que envolviam a locação de imóveis, equipamentos, funcionários, etc. Mas quando li a matéria, pensei: “Vou pegar cada negócio desse e fazer com que cada um possa ser possível de ser criado com menos de mil reais”. Esta é a primeira parte de uma série de artigos onde procurarei, de forma prática e simples, dar idéias de como você pode começar já a montar a sua empresa. Vamos lá.

Montar empresa de…

1. CASA DE SUCOS R$70mil

Se você pretende começar no mercado de sucos, distribua imãs de geladeira para os escritórios nos arredores de onde você mora, compre um livro de sucos, um multiprocessador e venda sucos nutritivos e naturais para as empresas do seu bairro. Aposte no uso de orgânicos e destaque a sua empresa demonstrando os benefícios para a saúde de cada suco que vende, além do seu compromisso com o meio ambiente.

2. CLUBE GOURMET R$75mil

Crie parcerias com as melhores lojas de bebidas e alimentos importados, crie também um grupo com os clientes destas lojas para vender produtos das outras lojas pertencentes ao seu clube. Ofereça ainda degustação desses produtos em eventos exclusivos para os membros do clube e cobre uma comissão pelas vendas fechadas por você nesses eventos. Estabeleça parcerias e não gaste um tostão.

3. ALIMENTOS FUNCIONAIS R$100mil

Associe-se a um profissional de nutrição e monte listas de compras para entrega com base nos requisitos de dieta de cada um dos seus clientes. Seja o vínculo entre o profissional de nutrição, o mercado e a feira para seus clientes, dando preferência para alimentos de boa qualidade e orgânicos. Você ganhará na prestação do serviço e ainda pode fazer crescer a base de clientes do profissional a quem se associou.

4. TELEFONIA VOIP R$70mil

Pegue carona no alto crescimento da tecnologia de voz sobre IP – que cresceu 87% em 2010 – e torne-se revendedor de empresas que vendem este tipo de tecnologia. Cresça como revendedor montando a sua própria equipe de vendas e difundindo a tecnologia para cidades afastadas dos grandes centros, onde a concorrência é menor. Ligar e receber chamadas pelo Skype pode ser bom, mas como ele não tem garantia de funcionamento 24 horas, as empresas preferem algo mais seguro e que funcione sempre.

5. AUTOMAÇÃO DO PONTO DE VENDA R$80mil

Não tente reinventar a roda criando o seu próprio software de automação do ponto de venda. Procure uma empresa competente e de referência no mercado para tornar-se representante, focando no atendimento a um nicho específico de mercado. Ao invés de tentar vender para todos os tipos de negócio, foque, por exemplo, em papelarias. Venda o software de automação e estabeleça parcerias com empresas de prestação de serviços de manutenção de computadores para vender o serviço deles para seus novos clientes. Você ganhará duas vezes.

6. SISTEMAS FISCAL, CONTÁBIL E DE PONTO ELETRÔNICO R$100mil

Com inúmeros softwares no mercado que fazem isto, a primeira opção que possa vir à mente é tornar-se um representante de vendas deles, mas poderíamos dar um passo mais adiante. Que tal você se especializar nesta ferramenta e tornar-se um consultor profissional para lojas de rua? Os lojistas geralmente aprenderam sobre administração no braço e precisam de alguém confiável que lhes ensine como funcionam as novas tecnologias, dando-lhes o suporte teórico para fazer crescer suas empresas.

7. ERP E INTELIGÊNCIA DE NEGÓCIOS R$100mil

Voltando-me para os pequenos novamente, tenho visto nas minhas caminhadas pelos clientes da Noxion, uma infinidade de pequenas empresas que mantém o seu ERP no papel ou em planilhas eletrônicas separadas em pastas no computador. Sem a menor inteligência de negócios, esses pequenos empreendimentos não sabem responder sequer quanto cada cliente gastou no último ano de maneira fácil. Vender um sistema barato e ainda prestar consultoria para essas empresas é uma necessidade imediata, basta bater nas portas dessas lojas e ver a realidade. Elas precisam de gente competente para ajudá-las a administrar os seus negócios.

8. SERVIÇOS DOMÉSTICOS R$10mil

Conheço pessoas entusiasmadas em fazer pequenos reparos em casas e construir coisas. Elas geralmente chegam acompanhadas de pequenas maletas cheias de parafusos e chaves além daquele tradicional acervo com furadeira, parafusadeira e outros equipamentos geniais. Para quem gosta e ama isso, basta fazer cartões de visitas e oferecer o serviço para a vizinhança. O boca a boca será a propaganda desse trabalho que pode começar pequeno para garantir aquela renda extra no final do mês.

9. MÓVEIS CERTIFICADOS R$90mil

Quem é artista ou gosta de trabalhar com móveis e design de interiores tem neste negócio uma boa oportunidade de fazer o seu nome. Enquanto a maioria dos designers e marceneiros se ocupam em fazer mais do mesmo, você pode se ocupar em fazer menos do mais. Crie projetos únicos de móveis e agregue valor a eles vendendo o selo da madeira certificada. Seus clientes entenderão seu preço exclusivo e se sentirão mais confortáveis com móveis únicos, de qualidade e sustentáveis em suas casas.

10. SUPORTE A LOJA VIRTUAIS R$50mil

Se você é pequeno, mas uma vez repito: invista no pequeno como você. Se você já trabalha na área de internet será mais fácil, mas basta que se associe a empresas que criam lojas virtuais e que possuam um bom produto. A idéia seria compartilhar com os clientes uma parte da renda obtida através das suas vendas no segmento virtual. Prestar atenção na escolha do parceiro que entrega essas lojas virtuais é essencial, mas depois disso, com uma pequena estrutura você conseguirá prestar uma consultoria eficiente e com grandes promessas de crescimento, pois este mercado recebeu R$15 bilhões em compras em 2010 aqui no Brasil.

Na segunda parte desta série de artigos, iremos continuar explorando as possibilidades do comércio eletrônico e passar para as oportunidades da construção civil e do ramo da consultoria. Tudo para levar você a ignorar alguns montantes de valores, que normalmente são apresentados como necessários para montar um negócio. Para quem é pequeno e precisa começar já a ganhar dinheiro, não dá para ficar esperando juntar grana para só depois montar sua própria empresa. Se você parar para pensar no que você pode fazer hoje para montar o seu negócio, perceberá que tem muita coisa simples que pode ser feita para começar já.

Aprenda a abrir uma empresa do zero
Aprenda a criar e rentabilizar um negócio do zero com a metodologia que nós desenvolvemos.

→ Clique aqui para conhecer

Sobre Marcos Rezende

Marcos Rezende, é empreendedor, fundador do Insistimento e orientador de carreira para empreendedores. Inscreva-se para a próxima turma do seu treinamento Negócio do Zero (clique aqui).
34 Flares Twitter 0 Facebook 17 Google+ 8 LinkedIn 9 34 Flares ×